Valorizando cantinhos da casa

As áreas externas de casas podem ser configuradas de diversas maneiras. Elas são valiosas para quem quer integrar ambientes distintos ou simplesmente criar um refúgio acolhedor na própria residência.

Apesar do valor que possuem, muitos espaços abertos ainda são negligenciados quando o assunto é decoração. Para reverter essa situação, trouxemos dicas com os segredos para compor diferentes ambientes externos. 

Acompanhe e aprenda a valorizar cada cantinho da sua casa!

Área de piscina

É incrível como um tanque cheio de água pode trazer alegria a pessoas de todas as idades. Ainda que sua principal função seja divertir, a piscina também tem lugar importante na composição de áreas externas e deve estar sempre bem apresentável para os usuários.

Cores 

Piscinas em locais abertos costumam ser usadas no verão ou em qualquer outra época que apresente altas temperaturas. Logo, é fundamental que seu entorno esteja sempre fresco para garantir conforto aos banhistas.

Um truque de decoração que pode ajudar a manter o ambiente sempre agradável é usar cores claras. Tons de branco, amarelo-claro e cinza refletem a luz do sol e evitam que o calor acumule nos pisos ou na borda da piscina.

Materiais

Há uma grande variedade de materiais para usar em áreas de piscina. Na borda do reservatório, por exemplo, você pode incluir um extenso deck de madeira. Essa estrutura serve de base para o mobiliário externo e traz conforto para a caminhada do usuário.

Na borda do tanque e nos caminhos que circundam a área da piscina, procure instalar pisos com acabamento antiderrapante para evitar acidentes. Pedras rugosas e cerâmicas com textura são opções que garantem mais segurança.

Mobília

Nada é mais confortável do que uma área de piscina equipada com móveis de qualidade. A variedade de modelos deve ser considerada, já que se trata de um espaço frequentado por públicos distintos.

Você tem a possibilidade de investir em cadeiras comuns de plástico, bancos com encosto, espreguiçadeiras e até jogos de mesa com ombrelones. Peças com estrutura de alumínio e assentos de fibra sintética são as mais indicadas, já que têm boa resistência contra os efeitos da chuva e poeira.

Acessórios

As áreas de piscina ficam expostas à luz do sol e por isso são perfeitas para o cultivo de plantas. Mas cuidado: algumas espécies perdem muitas folhas, e estas podem ficar acumuladas na água. 

Se quiser evitar problemas, priorize gramados e arbustos de pequeno porte. As folhagens podem ser cultivadas em vasos de concreto que já se tornaram tendência para áreas externas. 

Por fim, que tal instalar luzes de LED dentro do tanque ou no entorno para orientar pessoas e destacar o local? E se a área da piscina vier equipada com churrasqueira, você pode usar itens próprios da decoração da cozinha nesse espaço.

Varanda Gourmet

O que diferencia uma varanda gourmet de uma varanda convencional é a adição de mobiliários confortáveis e de equipamentos comuns da cozinha. A solução transforma simples áreas externas de casas em verdadeiros refúgios de lazer para toda a família.

Cores 

Qualquer estilo é bem-vindo na hora de decorar a varanda. Porém, quando o espaço traz o conceito gourmet, a dica é não exagerar na mistura de cores. Esse cuidado é necessário para não sobrecarregar um ambiente que já conta com uma grande variedade de elementos.

Tons suaves e opacos são ideais para revestir as superfícies de uma varanda gourmet porque criam uma base neutra para a adição de móveis e eletrodomésticos. Assim, tente manter um fundo branco, bege ou cinza e inclua cores vibrantes apenas nos itens decorativos.

Equipamentos

Para cozinhar ou fazer refeições na varanda gourmet, você vai precisar de um fogão — o cooktop é um modelo mais compacto —, uma pia, uma churrasqueira e um frigobar. Não esqueça de instalar uma coifa para absorver possíveis resíduos de fumaça e gordura. 

O espaço ainda pede móveis confortáveis e estilosos. Procure diversificar as opções com pufes, banquinhos, poltronas e cadeiras. Se não tiver espaço para uma mesa comum, invista em um balcão estreito ou mesinha de centro para apoiar quitutes.

A família também pode achar interessante instalar televisão e caixas de som no local. O conjunto é legal porque garante entretenimento durante a visita de amigos.

Materiais

A adição de revestimentos é uma maneira inteligente de adicionar cor à varanda gourmet. Você pode usar pedras naturais na bancada da pia, pastilhas na superfície da churrasqueira e madeira em painéis que dividem o ambiente.

Tecidos também são capazes de melhorar a aparência do local porque combinam estampas e texturas; portanto, não deixe de pensar nos tapetes, almofadas e toalhas que vão ficar na varanda.

Se o objetivo é mudar o visual sem reformas, aposte no papel de parede. O material é fácil de aplicar ou remover e ainda traz uma infinidade de cores, estampas e texturas para decorar.

Acessórios

Procure lançar mão de quadros, obras de arte, espelhos e coleções na área da varanda para deixá-la com aparência de lar aconchegante.

Além de aproveitar objetos decorativos comuns, que tal fazer com que louças e utensílios façam parte da composição? Basta pendurar panelas, frigideiras, conchas e talheres com ganchos de parede.

Jogos de copos, jarras e pratos também podem ficar expostos na varanda. O ideal é apoiá-los sobre nichos e prateleiras altas.

Jardim de inverno

Os jardins de inverno são nichos com vegetação que têm a função de levar um pouco de natureza para dentro das residências. Simples e compactos, eles podem ser projetados tanto em apartamentos pequenos quanto em casas amplas.

Cores 

Não existe regra para a instalação de um jardim de inverno. Ele pode ser mantido sob o vão de uma escada ou, ainda, ao lado de um ambiente específico da casa. É por isso que as cores escolhidas para compor o projeto serão as mesmas do cômodo que circunda ou faz contato com o jardim.

De modo geral, os jardins ganham destaque quando incorporados a um espaço de cores neutras. Um fundo claro e opaco, por exemplo, gera um contraste interessante com o marrom do substrato e o verde das plantas. 

Materiais

Muita gente gosta de cobrir a camada de terra do jardim com pedras decorativas. A vantagem é que elas podem ser encontradas em diferentes cores e tamanhos, de acordo com o gosto do comprador.

Se o espaço é relativamente grande, você pode criar pisos para formar caminhos e áreas de estar. Jardins com claraboia ou tetos descobertos devem ser fechados com vidro para que a água da chuva e o vento não entrem em contato com os ambientes internos.

As paredes do jardim também merecem trabalhos decorativos: aplique revestimentos (tijolinho, cascalho, pedra canjiquinha) para formar desenhos e criar volume com as texturas.

Mobília

Se o seu jardim de inverno permitir, leve uma dupla de banquetas, uma namoradeira ou uma poltrona para completar o espaço. Esses móveis podem ser usados em atividades de leitura ou nos momentos de relaxamento.

Acessórios

Um jardim vertical pode receber diferentes acessórios. Alguns projetos contam até com fonte de água e lareira ecológica. Se você é do grupo que prefere a simplicidade, basta investir em vasos com diferentes formatos e alturas para cultivar as mudas.

Painéis de fibra de coco, grades de ferro e corda de sisal também são ótimas opções para aproveitar o espaço vertical e trazem um visual rústico para o jardim. Ambos podem ser usados como suporte para jardineiras e plantas trepadeiras.

Área de lazer

Area de lazer

Embora simples, a área de lazer tem grande utilidade dentro de uma residência. Ela pode ser locada nos fundos da casa, perto do quintal ou estar integrada a um cômodo social, como a sala de estar ou a cozinha.

Cores 

A área de lazer comumente é equipada com churrasqueira, forno e lavatório para apoio de serviços relacionados ao preparo de refeições. Por esse motivo, muita gente prefere decorar o local com cores suaves e que transmitam a sensação de higiene.

Apesar de ser interessante, não deixe que essa ideia limite sua criatividade. Se você tem medo de arriscar, comece mantendo uma área de gramado no piso. A textura e a cor verde das folhas vão alegrar o espaço e te inspirar a fazer outras composições.

Uma parede com listras ou revestida com azulejos estampados também é uma boa alternativa para incluir um toque de cor na área de lazer.

Materiais

É possível separar a área de estar dos demais espaços da casa sem perder a integração. Para isso, instale uma parede de cobogós, portas de vidro ou painéis vazados na linha que divide os ambientes.

Se a área de lazer é muito fechada, experimente substituir uma de suas paredes convencionais com paredes em tijolo de vidro. A transparência do material deixará a luz natural entrar e, consequentemente, iluminará o local.

Nos pisos, procure usar revestimentos de cor escura e com acabamento liso. Isso vai facilitar a rotina de limpeza para a remoção de resíduos e poeira do chão.

Mobília

A área de lazer deve fazer jus ao nome e trazer móveis confortáveis para os momentos de festa e confraternização. Mesas e cadeiras são só a base, mas você pode incluir poltronas, banquetas, redes e pufes se o ambiente permitir.

Algumas pessoas, inclusive, criam um nicho específico para jogos dentro da área de lazer. Você pode se inspirar e colocar uma mesa de bilhar ou pebolim para divertir a família e amigos.

Acessórios

Por ser um ambiente de encontro de pessoas, a área de lazer deve ser decorada com itens que tenham valor para cada pessoa da família. Podem ser fotografias feitas durante viagens, quadros com pinturas das crianças e objetos de coleção.

Assim como as demais áreas externas de casas, o cantinho de lazer também pode ser complementado com estruturas de jardins verticais e vasos de flores. 

Fachada da casa

Por ser o primeiro detalhe observado em uma casa, a fachada também merece atenção especial quando se trata de decoração. E uma boa maneira de destacá-la é planejar a escolha de cada elemento que compõe a área externa da residência.

Cores 

cor ideal para as paredes da casa vai depender do gosto do proprietário e também das tonalidades usadas no entorno do imóvel. No entanto, é preciso ter cuidado redobrado com as cores mais escuras, já que estas costumam desbotar rapidamente.

Para não ter dúvidas, você pode fazer um teste com uma amostra de cor em apenas um pedaço da parede. Também vale procurar referências de outros projetos para se inspirar e tomar a melhor decisão.

Materiais

Além das paredes externas, a fachada também é composta por elementos que circundam a edificação. E os materiais usados em cada um desses detalhes devem combinar para não gerar a temida poluição visual.

Cercas de ferro, por exemplo, são interessantes para quem quer deixar a casa visível do lado de fora e harmonizam com jardins verdes. Já os muros ocultam a casa e por isso devem ser revestidos com materiais que valorizem o acesso da residência.

Entre as opções para cobrir superfícies externas estão a pedra ardósia ou canjiquinha, tijolinho maciço ou tijolo de demolição, cerâmica e plantas trepadeiras (muro vegetal).

Mobília

Os móveis podem ser um complemento da fachada residencial. Claro que o quintal deve ter superfície plana para receber esse tipo de equipamento. Se é o seu caso, fique à vontade para incluir bancos com encosto e mesinhas para tomar um chá ou café no fim da tarde. Canteiros altos e com borda larga também podem servir de assento.

Acessórios

Tendo o quintal como principal destaque da fachada, o proprietário pode quipá-lo com acessórios que tenham a ver com seu estilo. As opções variam entre lagos artificiais, estátuas, fontes, floreiras, pergolados e comedouros para pássaros.

A iluminação também tem papel importante na valorização da fachada. Ela pode aparecer nos balizadores e refletores próprios para jardim, em arandelas de parede ou spots instalados no piso da área externa.

Sacada

Vista Privilegiada

Também chamada de balcão, é uma das principais áreas externas de casas e apartamentos. A sacada geralmente salta do alinhamento da parede, dando um efeito tridimensional à construção e adicionando área extra ao espaço interno.

Cores 

Em edifícios verticais, a cor da sacada deve respeitar o padrão existente nas demais unidades residenciais. Logo, é importante que o proprietário considere essa tonalidade como ponto de partida na hora de planejar a decoração dessa área.

O morador de uma casa com sacada, por outro lado, tem total liberdade para modificar a cor do espaço. É claro que a escolha também deve estar em equilíbrio com as tonalidades já presentes na fachada e nos detalhes construtivos.

Materiais

Quem mora em apartamento deve conversar com o síndico antes de incluir novos materiais na sacada. Se tiver permissão para modificar a aparência interna desse espaço, uma alternativa simples é aplicar papel de parede com estampa discreta.

Nas sacadas de casas, vale investir em revestimentos diferenciados que valorizem a área. Pode ser um piso de porcelanato, uma parede de pedras ou até mesmo um guarda-corpo de vidro ou madeira.

Mobília

Apesar de existirem sacadas de diversos formatos e tamanhos, a maioria delas são pequenas e por isso não aceitam muitos móveis. Nesses casos, a dica é apostar em peças compactas e portáteis, como pufes, banquinhos e cadeiras dobráveis.

Sacadas cobertas e com fechamento em vidro protegem a mobília das intempéries. Mas se o espaço for totalmente aberto você deve ter cuidado redobrado com os elementos: prefira móveis feitos com materiais resistentes, como alumínio e madeira tratada.

Acessórios

É preciso criatividade para mudar o visual de uma sacada sem comprometer o espaço de circulação. Apesar de ser uma área reduzida, nada impede que o proprietário inclua alguns objetos personalizados.

Você pode fazer isso instalando ganchos e prateleiras altas nas paredes da sacada. Esses elementos podem servir de apoio para acessórios decorativos e vasos com plantas. Floreiras sobre o chão também são ótimas opções para a sacada.

Terraço

 

Estrutura localizada acima do espaço da construção, o terraço ou cobertura pode aparecer em casas e edifícios de altura. Por ser um pavimento descoberto no topo da edificação, o terraço recebe sol abundante e oferece uma vista privilegiada.

Cores 

O proprietário de uma cobertura pode compor o ambiente com o estilo de sua preferência. Ainda assim, vale priorizar as cores claras e neutras que ajudam a refletir a luz natural e, consequentemente, a dissipar o calor gerado no ambiente.

Para os que não abrem mão de compor uma decoração colorida, a dica é limitar os tons vibrantes e escuros às superfícies cobertas do térreo. Salas fechadas e área de churrasqueira são bons exemplos porque não têm contato direto com o sol.

Materiais

Diferente de muitas sacadas e varandas, o terraço costuma dispor de amplas áreas para uso. Isso traz mais possibilidades para decorar e personalizar o espaço com peças e revestimentos de todos os tipos.

Para trazer um toque de natureza, invista em materiais rústicos: pisos com madeira de demolição, caminhos com pedras irregulares e painéis de bambu. Algumas cerâmicas reproduzem a aparências dos materiais naturais e também podem ser usadas.

Mobília

O terraço geralmente é transformado em principal espaço de convivência da família. Por isso, deve conter mobiliário adequado para atender essas pessoas e seus convidados. Uma mesa ou bancada grande com bancos é um conjunto básico que vale a pena.

Se possível, o proprietário também deve investir em um jogo extra de cadeiras para ser usado em dias de confraternização com um grande número de convidados. Nas áreas descobertas, vale distribuir guarda-sóis e espreguiçadeiras.

Acessórios

Sabemos que é possível se deslumbrar com um terraço apenas pela visual que ele proporciona. Apesar disso, nada impede que o proprietário inclua outros recursos para valorizar ainda mais a aparência desse espaço.

A melhor opção são os arranjos de flores e folhagens que, combinemos, nunca podem faltar na decoração de uma área externa. Elas podem aparecer em grandes vasos, jardineiras, canteiros, suportes suspensos e estruturas verticais (ripados).

Térreo

area externa do terreo

O térreo é o espaço localizado entre o subsolo e o primeiro andar de um prédio. Ele pode ser destinado para uso comum dos moradores, para uso comercial ou moradia. Cabe destacar que muitos empreendimentos trazem apartamento no térreo com área externa.

Cores 

Espaços externos de apartamentos térreos se parecem muito com pequenas varandas. Se forem fechados, podem ser pintados ou revestidos com qualquer cor da preferência dos moradores.

Uma boa dica é pensar no efeito que se deseja obter com cada tonalidade. Cores claras, por exemplo, refletem bem a luz do local. O resultado traz frescor e uma sensação de amplitude que é interessante para áreas enxutas.

As cores escuras deixam o ambiente mais sóbrio e devem ser usadas com cautela. Caso queira usar tons de marrom, preto e cinza, procure criar um contraste com detalhes em cores alegres e vivas, como laranja ou vermelho.

Materiais

Apesar de estarem localizados na base do terreno, os ambientes do térreo também são pavimentados. Portanto, tente incluir materiais naturais na hora de decorar um ambiente como esse. A madeira pode aparecer nos móveis, paredes e divisórias para quebrar a dureza das cerâmicas, ladrilhos e azulejos. 

Você também pode investir nos tecidos de algodão e linho para trazer cor e textura. Peças como cortinas, mantas de sofá, tapetes, redes de descanso e capas de almofadas são ótimas opções.

Mobília

Uma área externa no térreo pode ser usada como abrigo para lazer dos moradores e seus visitantes. Logo, nada melhor do que equipá-la com diferentes assentos e mesinhas para apoiar comidas e bebidas.

Existem vários tipos de bancos e banquetas, mas dê preferência aos modelos com encosto que trazem mais conforto. E se não tiver espaço para colocar uma mesa comum, experimente manter um aparador ou buffet encostado na parede.

Acessórios

Alguns apartamentos no térreo contam com um grande pátio externo para uso particular. Quando essa área não é coberta, oferece luz natural suficiente para o cultivo de plantas ornamentais e comestíveis. Dependendo da área disponível, o morador pode até montar uma horta com espécies de temperos e ervas medicinais.

Se, por outro lado, a área for completamente coberta, nada impede que o proprietário a complemente com quadros decorativos e porta-retratos. A inclusão de itens pessoais e achados de família agrega mais beleza e personalidade a qualquer ambiente.

Viu como é possível deixar sua casa linda e, de quebra, conquistar um espaço aberto agradável para os momentos de descanso? Agora, basta identificar qual dessas áreas externas de casas está presente em sua residência e partir para a etapa da decoração!

Ficou com alguma dúvida ou gostaria de sugerir ideias para o post? Aproveite para deixar um comentário!

 

Conheça a loja

Escrito por QCola